domingo, 15 de abril de 2012

Titulo adiado por mais uma jornada

Ninenses estiveram a vencer até perto do final. Golo tardio do Pousa ditou empate e adiou por mais uma jornada o titulo de campeão de serie.

Tarde de muito sol e sobretudo de vento que condicionou o espetaculo e com influencia no resultado.
Era grande a expectativa entre as hostes ninenses já que havia a possibilidade de confirmar já hoje o titulo de campeão. Começou melhor o Ninense e logo aos quinze minutos , Bruno Silva escapa-se pela direita e faz um grande golo com um chapéu monumental sobre o keeper do Pousa.

O Pousa acusou o golo inaugural e não conseguia sair a jogar com bola, optando pelos lançamentos longos para Diogo e Xixa na frente de ataque. A jogar a favor do forte vento que se fazia sentir, eram os comandados de João Salgueiro quem encostavam ás cordas os visitantes. Luis Salgueiro dá sinal de perigo ao rematar forte mas ao lado. Pouco depois , Né rompe pela area dentro , mas no momento do remate é empurrado. O arbitro considera carga legal , mas fica a sensação de que a falta existiu mesmo.
Ao cair do pano para o intervalo, Bruno Silva é solicitado pela esquerda, e o guarda-redes visitante alivia para fora. Na marcação do canto, Bruno Silva bisa na partida com golpe de cabeça ao segundo poste.

video

Intervalo e uma vantagem de dois golos auspiciavam que este poderia ser o jogo do titulo.
No entanto , a historia foi diferente.  Num jogo globalmente correto entre ambas as partes , o arbitro da partida parecia ter uma perspectiva diferente, e em dois minutos dá duplo amarelo aos centrais do Ninense Pedro e Nuno, em faltas como tantas outras existentes e não assinaladas. Desta feita, foi o Pousa a beneficiar do vento na segunda parte e na marcação de um livre direto , a bola ganha velocidade e bate João pela primeira vez na tarde, reduzindo a vantagem do Ninense para a diferença minima.
João Salgueiro substitui os alas Né e Bruno Santos por Fabio e Zé Luis, e o Ninense carrega novamente no acelerador. Bruno Silva, falha por duas vezes aquele que seria o golo da tranquilidade, primeiro num remate por cima e depois com grande golpe de cabeça.
Já perto do final do jogo, o Pousa faz um lançamento longo, e a bola ganha velocidade, sobrevoando o guarda-redes João que havia saido ao lance. O Pousa , que teve tanto de feliz nesta abordagem como no restante jogo, chega ao empate a duas bolas, adiando a festa do titulo para fora de portas.

Este foi o segundo desafio em casa onde o Ninense perdeu pontos esta epoca, mas que em nada belisca o caminho traçado e já há muito conseguido pela equipa famalicense.
 Á subida , meritoriamente alçancada há quinze dias no Soarense, falta o pontinho que certamente não escapará em Antas, Esposende já no proximo Domingo para dar o titulo de campeão.

Pelo Ninense alinharam : João, André, Nuno, Pedro, David, Helder, Cesario, Salgueiro (Bogas), Bruno Santos (Zé Luis), Né (Fabio), Bruno Silva

Sem comentários:

Enviar um comentário