segunda-feira, 13 de maio de 2013

Ninense faz historia subindo aos Nacionais


Lagrimas a correr no rosto de muitos ninenses. A tristeza de uma desilusão quase certa contrastou com a explosão de alegria que quase logo de seguida se fez sentir. Esta é a magia do Futebol.   Parabéns ao Ninense. 

A Associação Desportiva Ninense passou o teste final e arrancou um empate precioso que lhe permitiu segurar a liderança do campeonato, fechando assim com chave de ouro a sua participação nesta Divisão de Honra da AF BRAGA, conseguindo uma subida que tem tanto de inédita como merecida ao Campeonato Nacional de Seniores.
O jogo teve duas partes distintas, contrastando a serenidade do primeiro tempo com o frenesim e final eletrizante da segunda parte.
Joao Salgueiro havia estudado bem a equipa fafense, e procurou reforçar o meio campo com a entrada de Cesar Marques, que acabaria por ser determinante no resultado final, coroando uma grande exibição na partida.
Aos cinco minutos um atraso deficiente quase proporciona o golo do Arões, mas o chapéu sai alto sobre a baliza de João. Na resposta, Bruno Silva, pelo Ninense, tenta tambem ele o chapeu ao guardião da casa Paulo Jorge, mas a bola sai muito por cima.
Com poucas oportunidades de golo no primeiro tempo, apenas á passagem da meia hora se deu novo sinal de perigo, com Raimundo a cabecear por cima. Novamente na resposta, é Bruno Silva quem quase chega a uma bola cruzada. O mesmo jogador quase inaugurava o marcador , a centro de David , mas cabeceou ao lado com perigo.
Até ao final da primeira parte, sinal mais do Ninense, com Luis Salgueiro a rematar para grande defesa de Paulo Jorge.
A segunda parte começa praticamente com o golo do Arões. Raimundo, oportuno, aproveita uma bola perdida no segundo poste e marca o golo da equipa da casa.
Joao Salgueiro não perdeu tempo, e regressou ao esquema habitual da equipa, lançando Ruizinho e João Cruz na frente de ataque, eles que causaram o panico entre os fafenses logo nos minutos iniciais após a sua entrada. Aos vinte minutos, é Cesar Marques quem remata com perigo , mas ao lado. Logo de seguida, o recem-entrado Ruizinho remata para a defesa da tarde de Paulo Jorge.
João Cruz entrou bem na partida e minutos depois, ganha uma bola a Zezinho que agarra ostensivamente o avançado dos de Nine, ele que ia isolado para a baliza. Nesse lance, o lateral da casa recebe ordem de expulsão, ficando os de Fafe a jogar os vinte minutos finais com menos uma unidade em campo. A pouco mais de dez minutos do final da partida, com o Ninense com um pé fora dos Nacionais, poucos apostariam no final de partida frenetico que aconteceria.
Ninenses deram colorido na bancada em Arões
Aos 36 minutos, Cesar Marques, um pulmão em campo, cabeceia com precisão uma bola longa em direção ao segundo poste, e João Cruz, sempre oportuno, aparece ao segundo poste para cobrar o golo da igualdade que deixou em delirio as centenas de adeptos do Ninense que marcaram presença em Arões. A poucos minutos do final e já a entrar em periodo de descontos nova machadada nas aspirações dos ninenses. O Arões ganha um canto, e desse lance acaba por nascer novo golo dos locais, festejando efusivamente aquela que seria a vitoria do clube fafense.
Com um par de minutos, o Ninense entregou-se deliberadamente ao ataque , com bolas bombeadas para a area do Arões. Numa primeira tentativa a bola é rechaçada para fora da area dos locais. No lance seguinte, nova bola para a area, os ninenses ganham dois ressaltos e quando David se prepara para fuzilar a baliza de Paulo Jorge, a escassos dois metros da linha de golo, um defesa trava de forma ilegal o lateral ninense. O arbitro , bem colocado, assinala a respectiva grande penalidade.
video

Lance capital, e o homem de gelo chamado a converter. Cesar Marques, um dos melhores em campo, tinha nos pés a desilusão ou a gloria. Paulo Jorge bem se estirou. Mas a bola estava lá dentro, com o empate a ser suficiente para as pretensões dos de Nine.
 O Ninense está no Campeonato Nacional de Seniores.
Invasão de campo pacifica com o golo da confirmação do empate


4 comentários:

  1. Quero agradecer à direcção, à equipa técnica e a todos os jogadores por este inesquecível momento. Foi único e louco ao mesmo tempo...
    Registaram uma bonita página na história deste clube.
    Ficaram na história e no coração de todos os Ninenses.

    Nine.

    Obrigado.

    ResponderEliminar
  2. espetaculo ganhar daquela forma , sofremos mas fizemos a festa , nunca me vou esquecer deste jogo , voces todos ficarao para sempre na minha memoria , muito obrigado a todos ...

    ResponderEliminar