sábado, 20 de maio de 2017

Campeonato brilhante garante terceiro lugar da prova


O Ninense terminou o Campeonato Pro-Nacional da AF BRAGA em beleza, ao receber o Esposende por quatro golos sem resposta e dando brilhantismo a uma excelente segunda volta onde o terceiro posto sabe a campeão e onde escassos três pontos separaram o vencedor da prova Arões face ao conjunto famalicense.

Este seria o primeiro dos três encontros seguidos agendados com o Esposende, uma vez que seguem-se as duas mãos da Taça AF BRAGA, onde o Ninense ainda disputa as meias finais. 
Talvez por isso, Carlos Viana, tecnico do Esposende, optou por fazer descansar quase toda a equipa habitualmente titular, perante um Ninense que se via forçado ainda "a meter a carne toda no assador", já que com o segundo lugar ainda matematicamente possivel também podia perder o terceiro posto para o Joane , em caso de perca de pontos.
Sem surpresas, começou melhor o Ninense , tomando as redeas do jogo. Martins, logo a abrir a partida, pôs a prova os reflexos do guarda-redes Stray. 
Perante tamanho caudal ofensivo, o golo dos locais apareceria quase naturalmente logo aos onze minutos por intermedio de Christophe. Rapida incursão pela direita, e o avançado ninense acaba por ser feliz no ressalto, ficando com a baliza á mercê para inaugurar o marcador.
Christophe foi uma quebra-cabeças na defensiva do Esposende

O segundo da tarde chegaria minutos depois, e pelo suspeito do costume. Rapida combinação da linha avançada ninense e Rui Gomes , na cara de Stray com toda a calma e classe do mundo a fazer abanar as redes visitantes novamente. 
O jogo passou então por uma fase mais pausada, com os comandados de Hugo Santos a controlar o ritmo da partida e mantendo a bola bem longe do perigo. 
O segundo tempo trouxe um Esposende mais afoito, tentando reduzir perante um Ninense que entrara no segundo tempo inexplicavelmente adormecido , mas Luis Miguel nos postes e seus pares na defesa raramente deram azo a oportunidades de golo para os visitantes. 
Da Povoa de Lanhoso chegava a noticia da goleada dos locais ao lanterna vermelha Vila Chã, pelo que Hugo Santos promoveu a entrada do avançado Socrates, que ainda está em fase de convalescença devido a lesão. Fonseca e Rochinha vieram trazer novo desenho no ataque ninense, mas seria o trinco Xavi quem daria a sapatada final nas contas do jogo. Numa bola aparentemente perdida, o medio ninense bem ao seu estilo não deu o lance como perdido, e no seu estilo habitual foi ao limite, cruzando a bola redondinha para Socrates fuzilar no coração da area. Aliás , o avançado ninense consagrado como melhor marcador da prova com 23 tentos , faria novamente o gosto ao pé dois minutos depois , com um chapeu portentoso a Stray, deixando o antigo guardião do Apulia e do Forjães pregado no relvado. 
Sem muitas demoras , o jogo terminaria pouco depois, sob a prestação muito positiva do trio de arbitragem, que passou completamente despercebido na partida. 

Estava assim sentenciada uma epoca memoravel , separando esta equipa em escassos três pontos do campeão Arões, numa temporada perante tantas adversidades , contratempos e contrariedades acaba por dar sabor especial ao trabalho desenvolvido pela direção liderada por Marcelo Almeida. 

No entanto , o sonha continua. O Ninense continua a sua caminhada já nos proximos fins-de-semana (dia 27 Maio e 3 Junho)  , disputando as duas mãos da Taça AF BRAGA onde irá jogar precisamente contra o Esposende, numa eliminatoria que dá acesso á Grande Final no dia 10 de Junho no Estadio de Barcelos. 

Ficha de Jogo 

Campeonato Pro-Nacional AF BRAGA (34ª Jornada)

Complexo Desportivo de Nine 

AD Ninense 4 - AD Esposende 

Arbitro : Carlos Leite auxiliado por Ricardo Leite e Rui Neto. 

Pelo Ninense jogaram: Luis Miguel, David, Martins , Paulo Ricardo, Diogo Novo, Xavier, Venú, Jonas, Joao Dias (Fonseca 68 m), Rui Gomes (Rochinha 78 m) e Christophe (Socrates 63 m). 
Treinador : Hugo Santos 

Pelo Esposende jogaram : Stray , Miguel, Merrelho, Nibra, Joel (Vicente 63 m), Gaby (Afonso 79 m), Ruben, Diogo, Guilherme, Maciel e Fabio.
Treinador: Carlos Viana 

Marcador : Christophe (11 m), Rui Gomes (20 m), Socrates (82 e 84 m). 

Disciplina: Amarelos : Joao Dias (58 m), Diogo (58 m).

Sem comentários:

Publicar um comentário