domingo, 26 de fevereiro de 2012

Chuva de golos em tarde de goleada

Momento do jogo com Cesario a marcar o quinto golo da tarde

Muitos golos, outras tantas oportunidades  e jogo resolvido em vinte minutos.

Os Seniores do Ninense estão no bom caminho em direcção á tão almejada subida de divisão e conseguiram nova vitoria este Domingo no confronto caseiro frente ao Parada de Tibães por claros cinco a um.
A jogar em casa, a equipa de Nine entrou pressionante e logo aos cinco minutos Bruno Silva abria as hostilidades após um canto pela esquerda. 


Bruno Silva leva já 19 golos na temporada

Pouco depois , David escapa novamente pela esquerda, passa por dois adversários e coloca em Cesario  para novo golo.

Cesario marca o segundo da tarde
 Minutos volvidos, canto pela direita , e o central visitante corta a bola ostensivamente com a mão. Chamado a converter, Bogas não perdoaria e fixava o resultado em três golos sem resposta em somente quinze minutos.
Bogas bateu penalti exemplarmente
Os comandados de Artur Borges nunca se encontraram nesta primeira parte, e apenas André Prodi dava alguns sinais de inconformismo. Em lance de insistência, o avançado bracarense remata ao poste da baliza de Oscar.
No entanto a tarde corria de feição aos da casa e pouco depois é Luis Salgueiro quem remata forte de fora da área para mais um golo indefensável. 
Luis Salgueiro voltou aos golos
A equipa visitante era presa fácil para as triangulações e toque fácil dos comandados de João Salgueiro, que facilmente acercavam-se da área visitante, ganhando cantos e marcando território nos últimos trinta metros .
Num desses cantos e ao cair da primeira parte, Cesario em grande golpe de cabeça , bisa na partida e marca o quinto golo com que o Ninense chegou ao intervalo.
A equipa famalicense não tirou o pé do acelerador na segunda parte e não fosse alguma ineficácia que diga-se não existiu na primeira parte, e o resultado poderia ter sido bem mais dilatado. Bruno Silva, em duas situações rematou com somente o guarda-redes visitante pela frente, e inclusivamente falharia nova grande penalidade conseguida no desafio, após carga sobre Né que havia rendido Salgueiro.
O Parada marcaria o tento de honra já perto do final , num remate que ainda ressaltou num atacante , traindo Oscar que teve tarde tranquila.
Vitoria tornada fácil pelos comandados de João Salgueiro pela entrada fulgurante e por um alto índice de concretização da equipa de Nine.
Face á derrota do Alvelos , o horizonte da subida de divisão começa a tomar forma, com  a equipa famalicense a escapar-se cada vez mais aos seus adversários.    

Sem comentários:

Publicar um comentário