domingo, 2 de novembro de 2014

Seniores: De volta aos triunfos em dia de Santos

Golaço de Cesario foi um hino ao futebol

Ninenses alcançaram vitoria na reta final da partida e tiveram de sofrer com menos dois elementos em campo.

Com alguns lesionados no plantel, o tecnico ninense Joao Fernando apostou em  Bruno Telli e no jovem Peixoto no onze inicial, procurando a vitoria que já fugia há duas jornadas, e acabou por ganhar a aposta, com o Ninense a levar de vencida o Amares por duas bolas a uma.
Curiosamente, até foi o Amares quem dispôs do primeiro lance de perigo , e logo no primeiro minuto, mas Flavio rematou muito por alto. Passado o sobressalto inicial, o jogo acalmou durante largos minutos, e só aos vinte minutos o Ninense acordou, mas o remate de Bruno Telli saiu á figura de Paulinho. O mesmo jogador falharia o golo logo de seguida, com o centro de Fina a não ser bem correspondido de cabeça. 
Nesta fase, o Amares apenas espreitava o contragolpe, com Flavio muito sozinho no ataque amarense a ser presa facil para a defensiva ninense. Por seu turno, o ninense criava perigo de bolas paradas, e num livre perto do intervalo, Hugo Pinheiro cabeceia ao lado da baliza forasteira. O golo ninense acabaria por acontecer nos descontos do primeiro tempo e tambem na sequencia de bola parada. Após um mau alivio da defesa visitante, o central ninense China apareceu isolado na cara de Paulinho e marcava o tento inaugural dos famalicenses.
Jovem Luis Peixoto fez a sua estreia a titular pelo Ninense

A segunda parte começou com um ninense em cima do adversario, e podia ter resolvido o desafio logo no primeiro minuto. Livre estudado entre Cesario e Meira, e este ultimo a servir de bandeja Fina , que na pequena area falha clamorosamente. Na resposta, o guardião ninense Andre Ferreira é protagonista do jogo, com grande defesa a remate de Petit.  O Amares foi tomando conta das operações, mercê tambem das entradas de Ze Miguel e Bié. Aos vinte minutos nova grande intervenção de Andre Ferreira , negando o golo de Bié com uma fenomenal estirada. O Ninense baixava as linhas e defendia perigosamente, enquanto o Amares se acercava com perigo, adivinhando-se o golo visitante.  O golo da igualdade acabaria por acontecer perto da meia hora do segundo tempo. Na sequencia de um canto, o central Mara cabeceia sem marcação ao primeiro poste, restabelecendo a igualdade. Sob a ameça de novo empate caseiro, Joao Fernando puxou pelos jogadores no banco, e fez entrar Joao Filipe para o lugar de Fina. O momento da tarde aconteceria faltavam seis minutos para o final. Cesario recebe uma bola fora da area amarense, e em rotação perfeita, remata á meia volta com a bola a entrar bem no angulo da baliza de Paulinho. Estava restabelecida a vantagem do Ninense.  Os minutos finais da partida foram pautados por algum desnorte em campo, em especial dos jogadores amarenses que procuravam o empate e pelo arbitro da partida com algumas decisões peculiares. Dois minutos volvidos do golo ninense, o avançado da casa Joao Filipe recebe ordem de expulsão com vermelho direto, num lance casual com o guardião forasteiro. No mesmo lance, treinador e delegado do Amares receberiam ordem de expulsão do banco. 

Com mais uma unidade em campo, o Amares procurou o jogo direto para as unidades mais altas na area ninense, e num lance é mesmo China quem salva o golo do empate sobre a linha de baliza. 
As coisas ainda se complicariam mais para o Ninense, com David a receber segundo cartão amarelo e ordem de expulsão , deixando os da casa a jogar com menos duas unidades em campo. Estava decorrido o minuto noventa e os cinco minutos de descontos dados pelo arbitro da partida pareciam interminaveis. O Ninense foi solidario e valente a segurar o resultado e face ás contrariedades acabou por vencer bem o desafio. Já o jogo tinha terminado , com muitos nervos á mistura e tentativas de agressão ao arbitro, o jogador Bié do Amares receberia ordem de expulsão , apenas sendo segurado pelos colegas e pela força policial.

Ficha do Jogo

Complexo Desportivo Ninense 

AD NINENSE 2  FC AMARES 1 

Arbitro : Joaquim Pereira auxiliado por Catia Leitão e Cesar Magalhães

Pelo Ninense jogaram: Andre Ferreira, Hugo Pinheiro , David, China, Joao Dias, Meira ( Ruizinho 62m), Peixoto, Barroso, Cesario, Fina (Joao Filipe 79m), e Bruno Telli ( Dennis 74m). 
Treinador : Joao Fernando

Pelo Amares jogaram: Paulinho, Saviola, Petit, Borges, Mara, Russo, Helder (Ze Miguel 56m), Maka (Sergio Maca 79m), Orlando (Bié 56m), Nelinho e Flavio. 
Treinador : Miguel Magalhaes

Marcadores: China (45+2m), Mara (77m) e Cesario (84m). 

Disciplina: Amarelos: Barroso (30 m), David (53 + 89m), Orlando (55m), Flavio (71m), (Cesario (71m), Borges (86m), Russo (88m), Bié (90+4m) Andre Ferreira (90+5m).
                Vermelhos: Joao Filipe (86 m vermelho direto), David (por acumulação) e Bié (por acumulação).



Sem comentários:

Publicar um comentário