domingo, 11 de outubro de 2015

Ninense fintou tradição em Santa Eulalia




Ninense foi a Vizela trazer um ponto para Nine num jogo que acabou sem golos. 

Os Seniores do Ninense arrecadaram um ponto na casa do lider num jogo onde o empate sem golos, embora justo, não reflecte as oportunidades e emoção criadas por duas grandes equipas deste campeonato Pro-Nacional da AF BRAGA.
O respeito mutuo das duas equipas foi o tonico dominante nos primeiros minutos de jogo. O primeiro remate aconteceria perto dos dez minutos e para o Ninense através de um pontapé de Martins. Pouco depois , seria Socrates a dispôr oportunidade para inaugurar o marcador mas o centro açucarado de Ventura não teve o melhor seguimento pelo avançado de Nine. Aos vinte minutos , Cadete manda uma bomba de livre directo, com Rui Lopes, guardião da casa , a defender com dificuldade. Na resposta, os homens da casa , tambem de livre directo, levaram perigo para as redes de Andre Ferreira, com Marquinhos a tirar tinta ao poste. 
Ambas as equipas arriscaram um pouco mais, assistia-se a uma boa partida de futebol e o publico apoiava o espectáculo.  Há passagem da meia hora, Rui Lopes quase borra a pintura ao largar uma bola rematada por Cadete. Pouco depois, novo erro da defesa dos homens da casa, com Nelson Oliveira a recuperar a bola e a servir Socrates que cai á entrada da area. O arbitro , contudo, ajuizou que não houve qualquer infracção. 
Com uma primeira parte equilibrada, esperava-se um segundo tempo emotivo , algo que acabou por acontecer , com 45 minutos de oportunidades de golo de e muito bom futebol. 
Há semelhança da semana passada, não foi uma grande entrada dos ninenses no segundo tempo. 
Logo no primeiro minuto, é Andre Ferreira quem salva um golo quase certo dos locais , com uma espantosa defesa. Depois é Marquinhos quem escapa pela direita e centra para a area , com Pinheiro a aliviar a bola em cima da linha de golo. Logo se fez ouvir a voz de comando do tecnico ninense Hugo Santos , e a equipa como que acordou novamente para o jogo. 
Primeiro é Socrates que com um drible rapido, quase se isola na cara de Rui Lopes, sendo desarmado na hora do remate fatal. Depois é Cadete quem remata cruzado, com um central vizelense a desviar a bola para canto. De seguida , China recupera uma bola no meio campo e quase surpreende o guardião Rui Lopes com um chapéu. Ambos os treinadores começaram com as substituições , sendo que Cesario seria rendido por Venu após sair lesionado. Já perto do final, o Ninense dispôs da oportunidade mais flagrante do desafio, com Socrates a correr para a baliza isolado, mas a permitir a defesa do guardião Rui Lopes , que com uma saida arrojada, desarmou o atacante ninense.  Pouco depois, os comandados de João Pedro Coelho ficariam reduzidos a dez , com Rui Pereira a levar o segundo amarelo após ter cortado um contra-golpe perigoso do Ninense. 
Os minutos finais foram jogados de forma mais pausada, com os homens da casa a segurarem o empate , que acabou por ser justo face ao desenrolar da partida. 
Se assistimos a um bom jogo de futebol, isso também foi possivel á boa actuação do trio de arbitragem que esteve bem á altura do ritmo e das dificuldades impostas pela partida. O trio de arbitragem liderado por Jose Carreira teve de ajuizar varios lances polemicos , mas acabou rubricar uma excelente prestação, dando valor acrescentado a um grande jogo de futebol. 

Trio de arbitragem esteve á altura de um grande desafio de futebol
" Diz a historia que o Ninense tem sempre muita dificuldade em jogar aqui. Queria muito ganhar esta partida, infelizmente não consegui , mas acaba por ser um excelente resultado empatar aqui. Obviamente todos queremos andar nos lugares da frente, mas volto a repetir, não interessa andar em primeiro em Setembro, Novembro ou Dezembro, interessa á chegar a Maio e estar nos lugares cimeiros para discutir o campeonato. Eu vejo muita gente a dizer e a escrever que o Nine tem um excelente plantel, que é mais apetrechada que os outros, até parece que o Nine é de outra galaxia e que não joga na Pro-Nacional mas na Premier Ligue. Por favor , não me atirem areia para os olhos. Eu não sou burro. Na minha maneira de ver somos todos  candidatos. O Santa Eulalia manteve a base dos jogadores que disputaram o CNS no ano passado. Outros foram buscar treinadores á Segunda Liga. Já o Maria da Fonte foi buscar um autocarro de jogadores que jogaram pelo Vieira na CNS no ano passado. O Ninense manteve a base do ano passado, e foi buscar jogadores que achou essenciais, por isso é tão candidato como outros são. O Ninense dispôs de oportunidades para ganhar, o Santa Eulalia tambem, foi um jogo aberto , e foi um jogo daqueles que quem veio cá ,apesar de não ter visto golos, gostam de ver este tipo de jogos cheio de emoção. O Santa Eulalia teve um inicio de segunda parte muito bom, nós tivemos as nossas situações, e por isso aceita-se o empate."
Hugo Santos, treinador do Ninense 


"O resultado final acaba por se ajustar ao que se assistiu em campo. O facto de ter perdido a liderança não me diz rigorosamente nada, apenas estamos com oito jornadas disputadas. As equipas com objectivos começam-se agora a juntar na linha da frente. Nada vai ficar definido no final da primeira volta,penso que vai ser até ao fim entre cinco a seis equipas que têm legitimidade para continuar a alimentar esse objectivo.
Temos alguns lesionados graves, agora o Rui que ficou impedido de jogar, vamos trabalhar com os que temos disponiveis e preparar a proxima jornada para as dificuldades que vamos ter, para corresponder com uma vitoria que é o que pretendemos para o proximo jogo. "
Joao Pedro Coelho, treinador do CCD Santa Eulalia 

Campeonato Pro-Nacional AF BRAGA 

Campo de Jogos do CCD Santa Eulalia

CCD Santa Eulalia 0 - AD Ninense  0 
Arbitro : Jose Carreira auxiliado por Jorge Fernandes e Carlos Macedo

Pelo Santa Eulalia jogaram: Rui Lopes, Paulinho, Basilio, Joao Leite, Andre Cunha, Rui Pereira, Elio, Filipe (Jorginho 61 m), Marquinhos, Rui Lima ( Filipe Alves 83 m) e Totas (Tiago Martins 86 m).
Treinador: Joao Pedro Coelho

Pelo Ninense jogaram: Andre Ferreira, China, Pinheiro, Barroso, Martins, Davide Caseiro, Ventura, Cesario (Venú  57 m), Socrates, Nelson Oliveira (Luis Tiago 75 m) e Cadete (Christophe 86 m). 
Treinador : Hugo Santos

Disciplina:  Amarelos: Cadete ( 30 m), Rui Pereira ( 31 m + 82 m), Elio (55 m).
                 Vermelho : Rui Pereira ( por acumulação )

Sem comentários:

Publicar um comentário