sábado, 16 de janeiro de 2016

Ninense afunda-se na tabela classificativa



Nova derrota fora de portas , desta vez no terreno do Serzedelo, distancia cada vez mais o conjunto famalicense dos lugares cimeiros do Pro-Nacional.

Tarde de sol, com a chuva a dar treguas ás duas equipas, num jogo pobre de futebol onde a equipa da casa acabou por bater com um golo solitario logo aos treze minutos o conjunto famalicense, que assim soma o terceiro encontro seguido sem sentir o sabor da vitoria.
Do lado contrario, o jogo serviria também para fazer a estreia do tecnico Vitor Pacheco no banco dos vimaranenses.
Ansiosos por pontos, foi com essa ambição que os da casa entraram no relvado natural do Campo das Oliveiras em Serzedelo, e logo no primeiro minuto , o Serzedelo dispõe de excelente oportunidade para abrir o activo, com Rui Costa a aparecer na cara do guardião Fabio Pereira , mas a rematar ao lado. Ficou o aviso do que viria a seguir, e aos vinte minutos Hugo Matos marcaria o golo solitario que daria os tres pontos aos da casa. Canto batido pela direita, Bruno Cunha centra de cabeça para o coração da area , onde o central dos locais aparece , e com todo o tempo do mundo, remata para as redes do desamparado Fabio Pereira. 
O Serzedelo poderia ter mesmo ampliado a vantagem logo de seguida, não fosse a defesa segura de Fabio Pereira ao remate á meia volta de Zezé. 
O Ninense acabaria por disfrutar das duas mais flagrantes oportunidades de golo em todo o jogo num preriodo de escassos dois minutos. Primeiro foi Nelson Oliveira quem escapou pela direita, cruzou ao segundo poste , mas Socrates chegou atrasado para a emenda. Depois foi Christophe com um remate de longe para defesa aparatosa de Fernando. Os derradeiros minutos do primeiro tempo foram jogados de forma compassada. Os da casa tinham o resultado a seu favor, os forasteiros tinham pouco discernimento para desenhar um ataque organizado, com muitas perdas de bola e passes errados. 
Esperava-se um segundo tempo melhor do lado dos ninenses, algo que acabou por não acontecer com o regresso dos balnearios. Logo a abrir o tempo complementar, Zezé escapa pelo corredor direito com uma naturalidade incomum , e só não marca porque o remate cruzado sai ao lado. Zezé acabaria por ser o perdulario da tarde , já que pouco depois , em novo remate á meia volta , atiraria ao lado. 
Entre substituições, cartões amarelos por entradas á margem da lei e algumas perdas de tempo, a segunda parte terminaria rapidamente , com os homens de Nine a não fazerem um remate digno de registo nos 45 minutos do segundo tempo e a coroar o Serzedelo como o justo vencedor do encontro.
Este foi , porventura, o jogo mais pobre do conjunto ninense em toda a temporada. Poucas oportunidades de golo, muita indecisão e acima de tudo alguma falta de ambição, notória desde o apito inicial do arbitro, de uma equipa onde se espera muito , mas que hoje mostrou pouco e que continua a coleccionar desaires ,  somando o terceiro desafio sem vencer. Numa semana onde o grupo perdeu mais um jogador - Meira transferiu-se para o Joane - a equipa ninense vai fraquejando em alma e ambição, vendo os adversarios directos a descolar na tabela classificativa. 

Ficha do Jogo 

Campeonato Pro-Nacional AF BRAGA

Campo das Oliveiras em Serzedelo

GD Serzedelo 1 - AD Ninense 0

Arbitro : Cesar Picas auxiliado por Luisa Ferreira e Nuno Ferreira

Pelo Serzedelo jogaram:  Fernando , Nandinho, Hugo Matos, Pedro Costa ( Ferreira 60 m), Bruno Cunha, Juni, Rui Costa, Tiago (Rui Jesus 83 m), Zezé, Nelson, Ricardo (Mateus 70 m).
Treinador : Vitor Pacheco

Pelo Ninense jogaram: Fabio Pereira, China, Barroso (Cesario 76 m) , Pinheiro, David, Emerson, Joao Dias (Telmo 84 m), Christophe, Nelson Oliveira (Martins 64 m), Socrates e Venu .
Treinador : Jose Rego

Marcador : Hugo Matos ( 20 m)

Disciplina: Amarelos :  Fernando ( 30 m), Socrates ( 33 m), Hugo Matos ( 36 m), Bruno Cunha (45 m), Venu ( 48 m) , Tiago ( 48 m), Emerson ( 50 m), Pinheiro ( 76 m), Ferreira ( 85 m) e Juni ( 86 m).

Sem comentários:

Publicar um comentário