domingo, 9 de março de 2014

Seniores: Manutenção é cada vez mais uma miragem



Os Seniores do Ninense foram a Mirandela perder por três bolas a uma, numa partida marcada por duas grandes penalidades a favor dos da casa nos minutos finais da partida.
Após a derrota caseira da semana passada, pouco restava aos ninenses senão levantar a cabeça e encarar a dificil deslocação a Mirandela como mais uma final. Paulo Rafael promoveu algumas alterações no onze inicial, com a inclusão de Helder Oliveira a titular e o regresso de Badara na frente de ataque.
O jogo começou com um Ninense atrevido, procurando equilibrar as operações no meio campo. O primeiro sinal de perigo surgiu ao quarto de hora, com Diop a centrar para a area, mas Capela a chegar atrasado á bola. Aos poucos, foram mesmo os da casa quem tomaram conta do jogo , e Billa esteve perto de marcar para os da casa, mas Andre Ferrreira defendeu a dois tempos. Os lances de perigo sucediam-se nas redondezas da area ninense, e já perto do intervalo, Billa escapa pela esquerda, com Helder Rocha a cortar a bola de carrinho e com o arbitro a sancionar falta perigosa á entrada da area ninense. O lance acabaria por ser letal para os famalicenses, já que na marcação do livre, Corunha aparece livre de marcação , e cabeceia com alguma facilidade para o golo inaugural do Mirandela. Já perto do intervalo, Capela tem nos pés o golo do empate, ao caminhar isolado para a baliza mirandesa, mas Pedro Fernandes esteve á altura dos acontecimentos, com uma excelente defesa. 
Paulo Rafael mexe na equipa ao intervalo, fazendo entrar Emerson para o lugar de Joao Cruz.
Logo aos dois minutos, Lourenço teve no pé direito o tento da igualdade, mas o remate acabou por sair ao lado. Em vantagem, os da casa optaram por adormecer o jogo, espreitando aqui e ali um contra-ataque, e acabaram por ser mais felizes na etapa complementar. Ao quarto de hora do segundo tempo, Billa quase marca, mas David desarma o atacante na hora certa , adiando novo golo do Mirandela. O ultimo quarto de hora de jogo foi marcado por duas grandes penalidades marcadas pelo arbitro Pedro Vilaça, que no minimo se podem dizer, discutiveis. 
Aos trinta minutos, Billa remata contra David á queima-roupa e o arbitro decide-se pelo castigo maximo, cobrado por Gradissimo. O mesmo jogador cobraria nova grande penalidade  dez minutos depois. 
Tiago Fernandes comete falta, mas o lance ocorre bem fora da area, com o arbitro novamente a apontar para a marca de grande penalidade. Incredulos com estas decisões, numa fase onde até era o Mirandela quem tinha o dominio de jogo, os jogadores famalicenses ficaram desnorteados, e China acabaria por ser expulso com vermelho direto por palavras ao Juiz da partida. 
Helder Guimaraes ainda tentou remar contra a maré , cobrando um canto e um livre direto que proporcionaram a Pedro Fernandes duas defesas de bom recorte tecnico. Já nos descontos, o Ninense chegaria mesmo ao tento de honra, com Bruno Silva a dominar a bola e a rematar colocado fora da area, marcando um golo de belo efeito , mas percebendo que já era tarde demais e nova derrota estava consumada. 
Nesta fase, faltam dez jogos para acabar o campeonato, e face aos resultados das outras equipas, com as vitorias de Santa Maria e empate do Pedras Salgadas, torna o sonho da Manutenção nos Campeonatos nacionais cada vez mais uma utopia. 

Ficha de Jogo 

Estadio S.Sebastião 

SC MIRANDELA 3 AD NINENSE 1 

Arbitro : Pedro Vilaça com Tiago Leandro e Helder Casanova ( AF PORTO)

Pelo Mirandela jogaram: Pedro Fernandes, Adriano, Bruno Graça, Corunha, Filipe, Sergio Duarte (Joao Amaral 69'), Ruca, Billa, Fabio Fortes (Edgar Abreu 83'), Rui Lopes e Nuno Paulo ( Gradissimo 69').
Treinador: Nuno Lima 

Pelo Ninense jogaram : Andre Ferreira, China, David, Lourenço, Diop (Bruno Silva 67'), Capela, Renato, Tiago Fernandes, Badará, Joao Cruz (Emerson 45'), Helder Oliveira (Helder Guimaraes 67').
Treinador : Paulo Rafael 

Marcadores: Corunha (36'), Gradissimo (76' g.p.  + 85' g.p.) , e Bruno Silva (90+3').

Disciplina:  Amarelos: Adriano (21'), Joao Cruz (27'), Filipe (31'), Helder Oliveira (35'), Sergio Duarte (46'), Emerson (54'), Diop (56'), Corunha (60'), Helder Guimaraes (70'), Bruno Silva (70'), Fabio Fortes (80'), Tiago Fernandes (85'), Edgar Abreu (89'). 
Vermelhos : China (88') . 

Sem comentários:

Publicar um comentário