domingo, 22 de fevereiro de 2015

Ninense ascende ao terceiro lugar do Campeonato

 
Onze inicial do Ninense em Crespos , Braga
  
Vitoria justa por duas bolas a uma do conjunto ninense frente ao Terras do Bouro relança o campeonato para as dez ultimas jornadas.


Perante muito publico afecto ao Ninense, o Campo de Crespos, casa emprestada do Terras do Bouro,  tornou-se pequeno para albergar um bom jogo de futebol , onde mercê de uma exibição personalizada dos visitantes, goraram levar os tres pontos para Nine.
O jogo começou com sinal mais dos ninenses. Logo aos dois minutos gritou-se golo, mas o remate de Joao Filipe , que corria isolado para a area , saiu ligeiramente ao lado. Praticamente no minuto seguinte, é Meira quem tira tinta ao poste da baliza de Simão na marcação de um livre direto.  O mesmo jogador estava com o pé quente, e perto dos vinte minutos , faz diagonal perfeita e remata de longe , com a bola a sair a centimetros ao lado.  O golo do Ninense adivinhava-se e aconteceria pouco depois. E que golo. O suspeito do costume, Cadete, remata de primeira uma bola perdida por Rato , e acaba por fazer um golo de antologia , com um chapeu de abas largas a Simão.  

Golo de bandeira de Cadete abriu caminho da vitoria
O jogo tornou-se então mais pausado, com a equipa anfitreã a fazer o primeiro remate perto do intervalo. Canto direto pela esquerda , e Andre Ferreira a defender com categoria. 
 Pedia-se mais do Terras do Bouro , que pouco ou nada havia feito no primeiro tempo, e a equipa comandada por Joao Salgueiro apareceu de cara lavada na segunda parte. 
Meira tentou por varias vezes o golo de meia distancia
  Sem causar perigo real na zona de finalização, o Terras do Bouro foi somando alguns livres diretos , e procurava , com bolas bombeadas o golo da igualdade. No entanto , a defensiva famalicense mostrou-se muito coesa a defender, aliviando as bolas para longe da area de perigo. Após um bom quarto de hora da equipa local, os comandados de Hugo Santos retomaram as redeas do jogo, e China quase marcava o segundo, mas a cabeçada saiu ao lado das redes de Simão. Joao Salgueiro acabaria por apostar tudo na frente de ataque, esgotando as substituições ao minuto dezassete do segundo tempo, fazendo entrar Gama e Martinho. No entanto , no minuto seguinte , o Ninense marcaria o segundo golo.  Rapida combinação entre Joao Dias e Joao Filipe, e este ultimo , com remate certerio , coloca a bola no fundo das redes dos da casa. 

Canetas a congratular Joao Filipe pelo seu golo
Cadete , logo de seguida , quase fazia o gosto ao pé novamente, mas o remate foi cortado em esforço por um defesa dos Terras. O jogo , que até então tinha sido exemplar disciplinarmente, tornou-se algo quezilento, o que obrigou o arbitro a distribuir uma mão cheia de cartões amarelos a ambas as equipas. 
Aos quarenta minutos, o Terras tem nova oportunidade para reduzir , mas Bispo não aproveitou uma perda de bola dentro da area ninense, rematando nas orelhas da bola. Praticamente no lance seguinte, o Terras fica reduzido a dez unidades com Rato a levar o segundo cartão amarelo por entrada sobre Cadete. 
Já no cair do pano do desafio, o Terras do Bouro chega ao golo de honra , por intermedio de Luis Salgueiro, com um bom remate de fora da area. 
O jogo acabaria logo de seguida, não sem antes ser expulso o jogador do Terras Bispo , por palavras dirigidas ao arbitro da partida. 
O trio de arbitragem liderado por Rui Amaral teve uma atitude exemplar na partida , deixando jogar as equipas - o primeiro amarelo apareceria só no segundo tempo-, apenas intervindo quando foi chamado a isso.  Com esta vitoria , o Ninense encurtou a distancia no pelotão da frente , subindo ao terceiro posto da classificação. 

Hugo Santos , ainda castigo, viu as incidencias da partida na bancada

" Penso que foi uma vitoria justissima do Ninense. Entramos bem, tivemos logo duas oportunidades para marcar , o que aconteceria mais tarde. O Terras do Bouro nunca conseguiu nos incomodar , tivemos sempre o controlo do jogo, pelo que se trata de uma vitoria justa. O Ninense está na luta pela melhor classificação possivel, faltam ainda muitos jogos , e a nossa preocupação por agora é jogar jogo a jogo. " 
China , Capitão do Ninense 

" O Ninense teve uma boa entrada no jogo com uns bons quinze minutos. Depois quando conseguimos equilibrar , tomamos um golo quase sem contar.  No segundo tempo tentamos retificar , é pena que o nosso golo tenha sido tardio, mas ficamos perturbados com o segundo golo do Ninense. O lance do segundo golo vem de uma mão do jogador do Nine. O Ninense acaba por ganhar com alguma justiça, mas os lances de duvida têm sido sempre contra nós. Vamos continuar o nosso caminho ".
Joao Salgueiro , treinador do Terras Bouro

FICHA DE JOGO 

Campeonato Pro-Nacional AF BRAGA 

Campo do Crespos - Braga 

TERRAS BOURO 1 - AD NINENSE  2 

Pelo Terras Bouro jogaram : Simão, Rato, Bispo, Ze Pedro, Tita ( Martinho 63 m ) , Xiço ( Gama 63 m), Rui Costa, Michel ( Pintas 55 m ) , Jeremy, Luis Salgueiro  e Luisinho. 
Treinador : Joao Salgueiro

Pelo Ninense jogaram: Andre Ferreira, Barroso, China, Hugo Pinheiro, Martins, Meira, Joao Filipe ( Luis Tiago 80 m) , Cadete (Christophe 90 m ) , Canetas, Joao Dias ( Cesario 66 m) e Rafa. 
Treinador : Hugo Santos

Golos: Cadete ( 25 m), Joao Filipe ( 64 m) e Luis Salgueiro (90 + 3 m). 

Disciplina: Amarelos : Michel (53 m), Joao Dias ( 55 m), Luisinho ( 59m), Simão ( Rato ( 68 m + 86 m), Martins ( 71 m), Cesario (77m), Rafa ( 90 m) e Salgueiro (90 m).
              Vermelhos: Rato (por acumulação) e Bispo (vermelho direto 90 +3 m).

Sem comentários:

Publicar um comentário